sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013


❝O amor nos desafia a convicção, por vezes tira a paciência, e pode até nos subtrair alguns anos da vida, mas quando é que alguém, por um segundo que fosse, cogitou – a sério – viver sem ele? Nossas aspirações vão, cada vez mais, aproximando-se da realidade; a gente passa a prometer menos, mentir menos, e chega até a achar que, dessa vez, erraremos menos, por julgarmos saber onde escondem-se todas as bombas desse campo minado. Nem preciso lembrar que a única certeza no amor é a de se estar eternamente em apuros, saracoteando as pernas para não se deixar afundar totalmente no obscuro e indecifrável oceano que é a vida daquela pessoa com a qual estamos de mãos dadas.
Em apuros pois é perigoso. É perigoso porque a gente arrisca. E a gente arrisca porque quer. Ninguém nos obriga a viver o amor, mas a gente ama vivê-lo. Ninguém nos obriga a sentir as mesmas dores de novo, mas a gente se quebra em mil pedaços para sentir o prazer na cura. A gente acha que pode viver sem, mas as palavras soluçadas no fim de uma noite ébria evidenciam o que, para todos ao nosso redor, já era óbvio: estamos fodidos.
Em apuros não estou só eu, estamos todos nós, meus caros. Amor é o que se persegue pelas esquinas, que foge à luz dos postes, e ele está bem. Em perigo estamos nós, nesse apuro que reside na nossa urgência em vivê-lo. Vivê-lo, mesmo que torto, inacabado, ferido, precipitado, errado, proibido, ou impossível. Vivê-lo de verdade, com intensidade e sem escudos. Como deve ser, e como inevitavelmente é, quando nosso coração nos dá aquela única e inevitável rasteira que nos faz quicar no chão.
Viver o amor é estar em apuros.
Estou vivendo, e não quero ser salvo.


quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013











❝Para mim, ele nunca será uma modinha, tampouco apenas um garoto bonito. Ele é o cara da foto no meu mural que eu achei que nunca pudesse tocar, mas que, quando eu o fiz, tive a certeza de que sabia mais dele do que de mim mesmo. Foi através dele que eu pude compreender a verdadeira essência do amor de um fã: fiel e dedicado, sentido uma única vez na vida, incondicional. Como a criança que escolhe o seu brinquedo favorito em primeiro olhar. Um sentimento que foge de qualquer compreensão, apenas crê como alguém que tem fé no amor de Deus. E mesmo que a vida venha a tomar novos rumos, será para sempre parte de você, um tipo único de amor que pertence ao céu.
Se existe alguém perfeito…Esse cara é Você.


quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013









segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013


❝E você lembra que ninguém beija como ele, ninguém abraça como ele, ninguém olha como ele, ninguém ri como ele, ninguém te toca como ele, ninguém te enlouquece como ele. E você decide que ele é o homem da sua vida, afinal, se já sofreu tanto, se envolveu tanto, se ferrou tanto, meu Deus do céu, tem uma coisa muito boa guardada pra mim. Ninguém sofre tanto assim sem recompensa. Se vocês já passaram por tanta coisa juntos é porque o final vai ser feliz.

❝E mesmo se desse tudo errado, eu sei que você estaria lá me esperando. E mesmo se o dia não tiver nenhuma cor, eu sei que quando eu estiver perto de ti tudo irá ter cor, eu sei que... Sem você, eu não sou nada.



                                   E daí que não vai ser fácil? Mas eu quero fazer isso porque amo você!

domingo, 3 de fevereiro de 2013


❝Eu sei que a gente briga, discute, briga de novo, de novo, e de novo, e depois a gente sente falta, volta, se olha, se beija, se curte, se ama, se encaixa e se faz feliz. E não há escape. É você que eu amo, é pra você que eu volto e é de você que eu sou. Pra sempre.